93play
Esportes

Cruzeiro supera Remo nas penalidades e garante vaga nas oitavas da Copa do Brasil

Publicada em 13/05/22 às 07:29h - 49 visualizações

por Itatiaia


Compartilhe
Compartilhar a notícia Cruzeiro supera Remo nas penalidades e garante vaga nas oitavas da Copa do Brasil  Compartilhar a notícia Cruzeiro supera Remo nas penalidades e garante vaga nas oitavas da Copa do Brasil  Compartilhar a notícia Cruzeiro supera Remo nas penalidades e garante vaga nas oitavas da Copa do Brasil

Link da Notícia:

Cruzeiro supera Remo nas penalidades e garante vaga nas oitavas da Copa do Brasil
 (Foto: Divulgação Cruzeiro)
Com muita emoção, o Cruzeiro superou o Remo e está nas oitavas de final da Copa do Brasil. Depois da derrota por 2 a 1 na primeira partida, o time celeste bateu o adversário nesta quinta-feira (12) por 1 a 0 no tempo regulamentar e garantiu uma vaga na próxima fase da competição nacional após as cobranças de pênaltis.

Empurrado pelo torcedor, que lotou o Independência e apoiou o time em todos os momentos, a equipe comandada pelo técnico Paulo Pezzolano buscou o ataque desde o início de jogo e conseguiu criar algumas boas oportunidades, mas o placar só foi alterado na segunda metade da última etapa.

Após as mexidas do treinador uruguaio e principalmente a boa entrada de Daniel Júnior, Edu aproveitou cobrança de escanteio e balançou as redes, forçando o duelo nas cobranças de pênaltis.

Nas penalidades, brilhou a estrela do goleiro Rafael, que pegou quatro penalidades, uma delas impedindo a vitória do Remo, que teve a chance de avançar.

Maior campeão do torneio com seis títulos conquistados na história, a Raposa volta às oitavas de final após três eliminações seguidas nas primeiras fases da Copa do Brasil. No Independência, com a presença de Ronaldo, o torcedor viveu mais uma noite eletrizante na competição tão conhecida pelo clube celeste.

Agora, as atenções do técnico Paulo Pezzolano se voltam mais uma vez para a Série B. Neste domingo (15), às 16h, a Raposa enfrenta o Náutico no Estádio dos Aflitos, no Recife.

O jogo

Precisando do resultado e empurrado pelo torcedor que lotou e fez muito baralho no Independência, o Cruzeiro começou a partida fazendo muita pressão no Remo. Logo nos cinco primeiros minutos, Luvannor e Bidu tiveram boas chances. O atacante parou no goleiro Vinícius e o lateral finalizou por cima do gol.

Com o relógio correndo e o placar inalterado, o time celeste começou demonstrar maior afobação, errando passes e encontrando maior dificuldade para infiltrar na defesa adversária.

Sem encontrar espaços, Lucas Oliveira apostou na finalização de longe para tentar balançar as redes. Aos 31 minutos, o zagueiro chutou com muita força da intermediária e por pouco a bola não entrou, raspando o travessão.

Assim como no primeiro tempo, o Cruzeiro começou a segunda etapa encurralando o Remo e perdendo oportunidades. Aproveitando rebote do goleiro Vinícuis, Rodolfo teve o gol aberto para abrir o placar, mas chutou por cima. Aos 9 minutos, Edu teve a chance que não costuma desperdiçar após passe de Jajá, mas pegou mal na bola.

Mas o Imperador Azul não costuma perder duas chances na mesma noite. Após cobrança de escanteio e cabeceio de Rafa Silva, o centroavante mandou para o fundo das redes fazendo justiça ao desempenho da Raposa.

Apesar do ímpeto cruzeirense, o gol não saiu e a decisão ficou para as penalidades. No momento decisivo, apareceu Rafael. O goleiro pegou quatro pênaltis e garantiu a vaga para o Cruzeiro.



ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Nosso Whatsapp

 (37)991759393

Visitas: 2227587
Usuários Online: 70
Copyright (c) 2022 - 93play